O estilo tawny branco é o meu preferido nos Vinhos do Porto (sim, pode parecer um sacrilégio não preferir os vintage), e felizmente tive a oportunidade de conhecer vários ao longo dos últimos anos. Infelizmente, durante bastante tempo eram raros os produtores que apostavam nesta categoria, mas felizmente já começam a aparecer várias referências.
Os 20 anos já são um patamar muito aceitável em termos de qualidade, e este Quinta da Devesa é uma excelente referência com uma cor aloirada, limpa, e um nariz intenso com notas de frutos secos, mel e avelãs.

Na boca é complexo, muito bom volume de boca e final longo, e acompanhou um pudim na perfeição (na primeira batalha de várias, claro).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.